Vol. 5 Núm. 2 (2007): Avances en Evaluación Educativa en Brasil
Artículos

Projeto GERES / 2005: Novos Indicadores para Construção e Interpretação da Escala de Proficiência

Publicado octubre 16, 2018

Palabras clave:

Metodologia, escala de proficiência cognitiva, itens âncora

Resumen

Este artigo apresenta uma nova metodologia de construção e interpretação de escalas de proficiência cognitiva, fundamentada na hipótese da independência e unidimensionalidade do item, conforme a Teoria da Resposta ao Item – TRI. Os dados utilizados provêm de resultados do Projeto GERES / 2005. São feitas breves descrições do projeto e dos testes de proficiência aplicados, visando ao entendimento da nova metodologia de construção de escalas que, ao invés de utilizar itens âncora, propõe, para a definição dos intervalos em ? (proficiência), a utilização de estatísticas específicas de cada item, referentes ao desenvolvimento da habilidade específica requerida pelo item. Assim, alguns limites da metodologia usualmente utilizada são superados, ganhando-se precisão nas etapas de desenvolvimento de cada habilidade e na ampliação do rol de habilidades analisadas, pois, para cada item testado, há uma habilidade descrita na escala de proficiência. Em seguida, apresenta-se a análise pedagógica dos níveis da Escala de Proficiência do Projeto GERES, objetivando-se a descrição das habilidades desenvolvidas pelos alunos situados em cada nível de proficiência, o que propicia um diagnóstico qualitativo do desempenho escolar e, ao longo do período avaliado, do progresso escolar do aluno.